Os protagonistas de Final Fantasy XV

Diretor de Final Fantasy XV pede demissão e DLCs são canceladas

Hajime Tabata, diretor de Final Fantasy XV, anunciou sua saída da Luminous Productions e do Square Enix Group. O anúncio foi feito durante uma live especial sobre o game, que supostamente traria novidades relacionadas ao conteúdo extra. Bom, houveram novidades, mas não do tipo que o público esperava. A saída de Tabata também marca o cancelamento de três, das quatro DLCs anunciadas para Final Fantasy XV.

Hajime Tabata, o ex-diretor de Final Fantasy XV
Hajime Tabata abrirá seu próprio estúdio e já tem seu próximo projeto

As expansões seriam baseadas nos personagens Ardyn, Aranea, Lunafreya e Noctis, porém só teremos o lançamento do Episode Ardyn. Ele é ambientado 30 anos antes da história principal e está previsto para março de 2019. O episódio também terá um prólogo, chamado Final Fantasy XV Episode Ardyn Prologue.

 

Multiplayer

O cancelamento não afetará o lançamento da versão stand-alone do modo multiplayer Companheiros. Esta versão será lançada para Playstation 4 e Xbox One no dia 12 de dezembro, e contará com novos chefes, roupas e armas.

Tabata tomou a frente de Final Fantasy XV em 2014, depois que Tetsuya Nomura largou o projeto para se dedicar a Kingdom Hearts 3 (que ainda não foi lançado, diga-se de passagem). Durante a live, Tabata comentou que deseja solidificar seu novo projeto como o próximo desafio depois de FFXV, e por essa razão decidiu abrir o próprio estúdio. Segundo a Square, a Luminous Productions focará no desenvolvimento de jogos AAA.

Deixe uma resposta