Shower With Your Dad simulator, o maior dos Dad Games

O apelo dos “Dad Games”

Ao ler o título desse texto apenas duas perguntas podem vir a sua cabeça: “O que são Dad Games?” ou “Como assim Dad Games podem ser interessantes?”

Em Euro Truck Simulator você não fica limitado a dirigir caminhões… mas é quase isso.

Para quem não sabe Dad Games são jogos onde o jogador é colocado para fazer tarefas do dia a dia. Algumas pessoas consideram tais tarefas mundanas e desinteressantes demais. Os grandes exemplos desse gênero são Euro Truck Simulator, Farming Simulator e Car Mechanic Simulator.

Agora, responder a segunda pergunta é o motivo porque essas palavras estão organizando os bits que geram a imagem do seu monitor. E a primeira coisa que eu preciso demonstrar é como esses jogos são similares em temática e objetivos a outros jogos considerados um pouco mais tradicionais.

Euro Truck Simulator tem uma mecânica de estabelecer sua companhia de transporte que apesar de simples me lembra OpenTTD ou Cities in Motion.

Em Farming Simulator você planta, colhe e cuida de animais, mas sem as maluquices interessantes de Harvest Moon ou Stardew Valley.

Na série Farming Simulator você administra e constrói sua fazenda de maneira similar ao que era possível fazer em SimFarm.

O que diferencia os exemplos são questões de ênfase e escopo. Os escopos dos jogos mais tradicionais são maiores. A visão estratégica dá valor para interações bem informadas. O ângulo em terceira ou primeira pessoa e a presença de um avatar deixam o jogo mais intimo. As ações passam a se parecer com suas ações ao invés de uma mão invisível resolvendo as coisas.

E então entramos na questão de escopo. O ciclo principal dos Dad Games são de atividades mais diretas. Você ainda pode ter progressão e escolhas estratégicas mas o ciclo principal do jogo é desempenhando uma tarefa relativamente simples. Seja arar e plantar na terra ou dirigir um caminhão. Você vai dedicar a maior parte do seu tempo fazendo isso ao invés de analisar todas suas opções de progressão. Tais tarefas geralmente são simples comparadas a jogos mais “complexos”. Mas isso não é um problema.

Parte do apelo dos Dad Games é certamente o quão pouco de atenção dedicada eles exigem, permitindo você escutar livros, vídeos e podcasts da sua preferência enquanto mantém as mãos ocupadas e tem a sensação de que está fazendo algo e progredindo, por mais simples que essa progressão seja. Eu vejo essa capacidade de multitarefa aparecendo com jogos mais complexos, mas isso exige tempo de prática com o gênero ou com o jogo em particular.

Jogos eletrônicos demandam mais atenção e habilidade que outras mídias. Isso não quer dizer que todo jogo deve demandar atenção completa. Isso depende de quanta energia a pessoa está disposta a dedicar a alguma atividade. Nesses casos dirigir um caminhão por 2 horas por dia tem um aspecto relaxante. Usar as calças de outras profissões, mesmo que de forma virtual, para que possamos nos desvincilhar dos problemas dos nossos cotidianos de maneira leve. Salvar o mundo não é necessário para uma catarse. As vezes você não quer salvar o mundo, enfrentar aliens particularmente curiosos sobre anatomia humana ou zumbis devoradores de miolos. Apenas se perder em algo mundano diferente do seu cotidiano enquanto escuta 60 horas de podcasts sobre  Roma Antiga.

Você não precisa jogar tão concentrado assim.

Deixe uma resposta